Adiamento das eleições dividir opiniões sobre consequências


O adiamento das eleições foi promulgado pelo Congresso
Nacional e os eleitores agora tiveram seu compromisso de ir às urnas escolher
prefeitos e vereadores postergado. Em votação em duas turnos, os deputados
aprovou uma PEC (Proposta de Emenda Constitucional) 18/2020 enviada pelo
Senado, na quarta-feira (1º), e o primeiro turno das eleições municipais de 4
de outubro será em 15 de novembro, enquanto o segundo turno, onde houver, for alterado
de 25 de outubro a 29 de novembro. O relator do projeto na Câmara, deputado
Jhonatan de Jesus (RR), líder dos republicanos, não fez alterações ao texto do
Senado, mas se sabe quem passou por um acordo com os deputados
partes do Centro, apesar do assunto não ser comentado publicamente.

Desentupidora Daqui da Cidade Faz todos os serviços de  Desentupidora em todos Bairros da Cidade, a qualquer hora do dia ou a da noite pode contar com A Desentupidora Daqui da Cidade atende em qualquer bairro da Cidade e em toda a Região. A Desentupidora da Cidade faz todos os serviços de Desentupimento de Esgoto neste que é um dos Bairros mais querido da nossa Cidade. Caso queira ver nossa tabela de preço para serviço de Desentupidora em Cidade Clique aqui.

Desentupidora Daqui da Cidade atende 24 horas em todos os bairros da Cidade

Desentupidora
Desentupidora Daqui da Cidade
 
Adiamento das eleições dividir opiniões sobre consequências
Roberto Jayme / TSE

Nos bastidores, uma negociação envolve diversos partidos,
excluindo o Patriota, o PL e o PSC, que já era predominantemente contrária ao adiamento
faça pleito. O que sabe é que foi garantido ou repassado R $ 5 bilhões a
municípios, que, em sua grande maioria, são comandados por partidos do Centro.
Houve grande participação dos preferidos preocupados em garantir que os impactos
da Covid-19 em suas administrações atenuadas com as verbas. O trabalho
garantiu uma articulação de relâmpago, que permitiu o placar de 407 votos
favoráveis ​​ao adiamento. O valor já estava garantido para o Fundo de
Participação dos Municípios pela Medida Provisória 938/2020, mas havia
necessidade de liberação por parte da equipe econômica.

Para o analista político Elve Censi, professor do departamento
de Filosofia da UEL (Universidade Estadual de Londrina), os resultados das
urnas devem ter enorme influência das medidas adotadas como enfrentamento da
Covid19. “Essa escolha será determinante para quem já não tem poder. Haverá
uma chance muito maior para quem tomou as decisões e conseguiu trazer segurança
à população. É difícil alguém partir para uma oposição nas campanhas nas ruas
meio a esse cenário ”, pondera. O cientista político ainda lembra que havia um
movimento forte para não adiamento por parte de quem não tem poder. "Quanto
mais tempo exposto à pandemia, maior pode ser os prejuízos. Até as eleições,
já se conhecer muitas das consequências e isso pode causar um estrago maior ”,
aposta.

CONTRÁRIO

Nesse sentido, o deputado federal Ricardo Barros (PP-PR) –
uma das principais lideranças da legenda, da qual faz parte o prefeito de
Londrina, Marcelo Belinati – também tem a mesma visão. O parlamentar, que tem
ampla experiência no Congresso e já foi Ministro da Saúde, acredita que
pandemia traz um grande peso para quem não tem carga. “Vivemos um momento
excepcional. Alguns preferidos tiveram aumento aumentado pelas medidas
contra Covid-19, mas também como descontos estão sendo afetados. Quanto mais o
tempo passar, como as pessoas sentem mais dificuldade financeira ”, afirma
em entrevista à FOLHA. Quanto ao resultado das urnas, Barros é categórico.
"Esse adiamento mudará ou resultado das eleições".

O parlamentar votou diferentemente ao projeto que garantiu a
mudança de dados, mas, segundo ele, ou o motivo não foi o único político. Com sua
experiência, Barros acredita que haverá uma enorme judicialização do processo
eleitoral este ano. “Votei contra, mas respeito a decisão. Acredito que haverá
muita discussão sobre prazos de filiação, desincompatibilização de
secretários e sobre domicílio eleitoral. Não há mais respeito à legislação,
vamos dar força ao Judiciário, permitindo que eles tumultuem o processo com
decisões que não estão respaldadas na lei ”, crítica ou deputado do PP, que
acredita ainda que o adiamento das negociações por 45 dias não deve mudar
drasticamente o panorama da pandemia provocada pelo coronavírus. "O que
preconceito como pessoas é uma campanha e não o dia das eleições ”, pontua.

UM FAVOR

Já o deputado Rubens Bueno (Cidadania-PR) afirma não ser
possível dizer antecipadamente se o adiamento terá papel decisivo para
eleições. Ele acredita que a medida é fundamental para salvar vidas. "Em
virtude da excepcionalidade da pandemia de Covid-19, não havia alternativa
senão adiar como eleições, ouvir autoridades da saúde pública. Adiar em defesa
da vida e não prorrogar mandatos em defesa da democracia ”, diz à FOLHA. O
parlamentar acredita que uma proposta que foi acordada e promulgada atende
diretamente aos interesses da sociedade e foi construído com base em um amplo debate
entre as instituições. “A pandemia se instala em pleno processo do calendário
eleitoral. O que foi um grande acordo entre o Congresso Nacional, um
Justiça Eleitoral e o mundo da ciência médica ”, analisa.

Frente Nacional de Prefeitos – entidade
municipalista nacional dirigida exclusiva por prefeitos em exercício dos
seus mandatos – também analisou a decisão de adiamento das negociações de forma
positiva. O secretário executivo da instituição, Gilberto Perre, apoiou um
proposta vinda do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), presidida pelo ministro
Luís Roberto Barroso. “Um FNP apoia como decisões tomadas no calendário eleitoral.
Elas foram envolvidas em estudos científicos, seguindo uma opinião de médicos,
cientistas. A Frente Saúda ou Congresso pela decisão de adiamento das eleições
para que eleitor possa ir às urnas com mais segurança sanitária ”, diz Perre à
FOLHA. O secretário ainda reforçou o momento de enorme gravidade deve importar
como prioridade na saúde pública e não na política ou em qualquer outro acordo que envolva
riscos à população.

Como você está avaliando o conteúdo que acabou de ler?



Fonte: Post Completo