GDF Presente recupera 23 milhas de estrada em Samambaia – Agência Brasília


Desentupidora Daqui da Cidade Faz todos os serviços de  Desentupidora em todos Bairros da Cidade, a qualquer hora do dia ou a da noite pode contar com A Desentupidora Daqui da Cidade atende em qualquer bairro da Cidade e em toda a Região. A Desentupidora da Cidade faz todos os serviços de Desentupimento de Esgoto neste que é um dos Bairros mais querido da nossa Cidade. Caso queira ver nossa tabela de preço para serviço de Desentupidora em Cidade Clique aqui.

Desentupidora Daqui da Cidade atende 24 horas em todos os bairros da Cidade

Desentupidora
Desentupidora Daqui da Cidade
 

Os Moradores do Núcleo Rural de Samambaia agora podem andar com mais facilidade. Nesta quinta-feira (2), as equipes do Polo Oeste do GDF chegam a marca de 23 milhas de estradas recuperadas com patrolamento, cascalhamento e terraplanagem. Além disso, outra estrada rural foi melhorada no Lago Oeste, um lixão irregular foi extinto em Itapoã e quase 300 toneladas de restos de árvores de árvores também foram coletadas em cinco pontos do DF.

“A estrada estava bem deteriorada, não tinha manutenção havia dois anos”, conta o morador, Humberto Cassimiro, de 50 anos. “A gente pelejava. Era muito difícil vir a melhorar. Agora melhorou. Jogaram bastante material. A ação tem que ser contínua porque sempre tem movimento e trânsito de pessoas ”, afirma. A previsão é que os últimos dois quilômetros serão executados nesta sexta-feira, quando o mutirão na cidade será encerrado.

Administrador regional de Samambaia, Gustavo Aires lembra da orientação do governador que as ações do Estado devem procurar quem mais precisa. “Os moradores da área rural nos procuraram declarar uma dificuldade no acesso a suas chácaras e encaminhar imediatamente nossas equipes e uma força-tarefa do GDF Presente para executar o serviço”, revela.

Fim do lixão no Itapoã

O GDF Presente recebe 140 toneladas de inservíveis que transformaram uma área em um grande lixão irregular no Del Lago, no Itapoã. Uma ação é uma das melhorias que o programa levou a região nesta quinta-feira, que incluiu a instalação de meios-fios e novas sinalizações.

A cidade recebe os cuidados do Polo Leste do GDF Presente com ações de manutenção, reparos e instalações executadas em parceria com o Departamento de Trânsito (Detran-DF), Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap), Serviço de Limpeza Urbana (SLU) e Companhia Energética de Brasília (CEB).

Nesta quinta-feira, dez caminhões basculantes de serviço foram recolhidos na quadra 202 do Del Lago. O lixão irregular extinto tinha cerca de mil metros quadrados e 140 toneladas de inservíveis, descartados pela própria população no local. O Administrador Regional de Itapoã, Marcus Cotrim, diz que tem se reunido com lideranças comunitárias e realizadas campanhas de conscientização.

“São muitas as dificuldades que essa sujeira traz para toda a cidade: bocas de lobo entupidas, cidade feia, disseminação de doenças”, indica o gestor. Ele considera incomensurável ou apoio ao GDF Presente para esta e outras soluções de demanda da região. “Percebemos a diferença de cara”, valoriza.

Os meios-feios da Avenida do Murano, com 12 milhas de extensão, receberam pintura nova. Na Avenida Brasil, foram instalados 400 metros de guias de acesso via Fórum de Desembargador Maria Aparecida Fernandes da Silva. A via também começou a receber reforço na iluminação pública.

Com a pavimentação perto do fim, cinco milhas de estrada que liga até a Rota do Cavalo ganhar sinalização e novas faixas de pedestres. Neste ano, já havia uma marcação de 70 lombadas e 36 placas de sinalização foram instaladas pelo órgão na cidade. O vigilante Leonilson Andrade, 53 anos, relatou que a cidade precisava de atenção. “Depois de muitos anos, o GDF está trazendo melhorias de iluminação, limpeza, pavimentação. Tudo isso é muito importante ”, permitiu o vigilante.

Parceria com a comunidade

A parceria da Administração Regional de Sobradinho II, GDF Presente e comunidade local ofereceu a manutenção de estradas agrícolas na Rua 00 do Lago Oeste. Um grupo de moradores mobilizados para obter licença de exportador de brita pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). A região está em duas áreas de proteção ambiental, o Parque Nacional e a Reserva Biológica da Contagem, e, por isso, há registros de material que não contamina o solo.

Os trabalhos realizados nesta quinta-feira (2) e passam a melhorar a cinco milhas de vias, que recebem material e passam por compactação. O processo reduz a poeira e dá conforto aos moradores, especialmente no período de seca.

A solicitação chegou à Administração Regional no início de junho e a presença do programa na cidade agilizou o atendimento à demanda. A produtora rural Lívia Teobaldo da Silveira, 37 anos, faz parte do grupo de moradores mobilizados. De acordo com ela, o serviço já foi executado em outros pontos do Lago Oeste, mas, por razões de reservas e pela falta de material licenciado, não chegou até uma vizinhança.

“Adquirimos o material. Em contrapartida, o GDF buscou e fez o serviço. Temos que parar de esperar apenas para o Estado fazer pode contribuir. Por quê não? ”, Disse um produtor rural. Esse é mais um exemplo de parceria entre governo e população que pode expandir e executar melhorias.

Para o administrador regional, Osmar Felício, uma união foi essencial para melhorar a vida da comunidade. “É uma região com pequenos produtores, granjas, pomares, hortifrutigranjeiros, então o escoamento da produção depende da estrada que, por sua vez, precisa de cuidados especiais por área de proteção ambiental”,

Recolhimento de lixo verde

Quase 300 toneladas de lixo verde foram coletadas em cinco pontos nesta quinta-feira. O Polo Central Adjacente contém 20 caminhões basculantes com capacidade de 14 toneladas cada, com galhos, cápsulas e folhas podadas. Na Vila Telebrasília, o trabalho atendeu a um pedido de erradicação de ficus benjamina.

As árvores, em volta de um campo sintético, têm raízes volumosas e crescem para todos os lados. O morador da região tem mais de 30 anos, o comerciante André Silva contém as raízes que chegam à rede de esgoto e danificam os banheiros, meios-fios e asfalto.

Na Vila Planalto, 84 toneladas foram retiradas dos arredores da Unidade Básica de Saúde 3 da Asa Norte, levando um ambiente mais claro e seguro para pacientes e funcionários que frequentam ou localmente.

Como as equipes do GDF presente coletam o material suspenso pelo CEB, que retirou galhos da rede elétrica no Centro de Referência Especializado para Pessoas em Situação da Rua (Centro POP), na 913 Sul, também foram localizadas e limpas áreas do Lago Norte e da Base Aérea, na região do aeroporto.

Galeria de Fotos

GDF Presente recupera 23 milhas de estrada em Samambaia



Fonte: Post Completo