Resultado da eleição deve trespassar até às 19h em PG | A Rede


Ponta-grossenses saberão se pleito será resolvido em 1º ou 2º vez em um prazo de duas horas. Juiz eleitoral comenta eficiência da apuração no Paraná

Desentupidora Daqui da Cidade Faz todos os serviços de  Desentupidora em todos Bairros da Cidade, a qualquer hora do dia ou a da noite pode contar com A Desentupidora Daqui da Cidade atende em qualquer bairro da Cidade e em toda a Região. A Desentupidora da Cidade faz todos os serviços de Desentupimento de Esgoto neste que é um dos Bairros mais querido da nossa Cidade. Caso queira ver nossa tabela de preço para serviço de Desentupidora em Cidade Clique aqui.

Desentupidora Daqui da Cidade atende 24 horas em todos os bairros da Cidade

Desentupidora
Desentupidora Daqui da Cidade
 

O Portal aRede entrevistou, na tarde desta terça-feira (10), o juiz eleitoral Roberto Ribas Tavarnaro do Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TER-PR), que falou sobre as principais características próprias de uma eleição durante uma pandemia. Segundo o magistrado, o ponta-grossense deve saber o vencedor em primeiro vez ou os dois candidatos que disputam o segundo vez até às 19h.

Conforme explica o juiz eleitoral, essa facilidade já foi vista em outros pleitos, sejam eles municipais ou estaduais e federais. “Normalmente, cá em Ponta Grossa, em menos de duas horas nós temos o resultado. Na verdade no Paraná inteiro. A Justiça Eleitoral do Paraná é muito séria, geralmente bate os recordes nacionais (de apuração). E, acredita-se que teremos a apuração num prazo sumo de duas horas ”, cita Tavarnaro.

As 19 cadeiras da Câmara Municipal podem ser discutidos instantes depois das duas horas de votação devido à diferença de votos entre os candidatos, o coeficiente eleitoral e o transbordo do chip em locais mais distantes, porquê os distritos. “Em algumas cidades em que há um deslocamento maior do cartão da urna eletrônica é que pode demorar mais. Mas, cá em Ponta Grossa até às 19h já saibamos o resultado do primeiro vez ”, destaca o juiz eleitoral.

O técnico na extensão também citou outros pontos relevantes a votação, principalmente em relação às medidas sanitárias e às mais vulneráveis ​​na pandemia. “Há uma recomendação, não é uma obrigação, de que idosos e o grupo de risco vote das 7h às 10h. Portanto, no primeiro horário é uma recomendação para que haja uma concentração do grupo de risco. Zero impede que outras pessoas que tenham aproximação a outros países também podem empregar esse recta durante esse período. Escoltado, idoso e pessoas de risco ”, aponta.

As mudanças em primeiro vez ocorrem no próximo domingo (15), das 7h às 17h. Os ponta-grossenses devem levar suas próprias canetas e um documento com foto, além da obrigatoriedade de máscara e distanciamento social.

Campanha ‘silenciosa’ é permitida

Durante uma entrevista com o Dr. Rodrigo Ribas Tavarnaro, uma internauta perguntou se é provável usar adesivos e botons no dia da eleição. “Toda revelação silenciosa, de preferência do votante, é permitida. Algumas pessoas não sabem disso e podem reclamar até para a polícia se alguém estiver andando com uma camisa ou botom do candidato ou partido. Não pode, e desemboca num processo criminal, uma pessoa, por exemplo, aguardando na fileira, anunciar de maneira subida em que vai votar ”, explica o magistrado.





Manancial: Post Completo